fbpx

Mais de 600 kg de alimentos impróprios pra consumo são apreendidos em operação do Programa de Segurança Alimentar em Cidreira

Uma ação conjunta entre o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) vinculado ao Ministério Público (MP) e ainda a Vigilância Sanitária Municipal de Cidreira, Secretaria Estadual da Saúde (SES), Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR), Delegacia de Proteção ao Consumidor (Decon) e Patrulha Ambiental da Brigada Militar resultou na apreensão de 600kg de alimentos impróprios para o consumo humano. A ação ocorreu na quarta-feira em 4 estabelecimentos localizados em Cidreira, no litoral norte.

De acordo com o MP, foram encontrados alimentos sem a rotulagem adequada, outras com falta de informações. Também foram encontradas carnes sem selo de inspeção e por consequência, sem procedência conhecida. Havia ainda falhas na forma de armazenamento dos alimentos.

O MP informou ainda que um dos locais era um bazar que comercializava carne congelada de forma irregular. No local o produto era comercializado com preço abaixo do valor de mercado, com prazo de validade vencido e ainda sem procedência.

error: Conteúdo Protegido!