Em nota defesa de André Pacheco diz prefeito ainda não foi notificado sobre decisão do Tribunal de Justiça

Em nota defesa de André Pacheco diz prefeito ainda não foi notificado sobre decisão do Tribunal de Justiça

A defesa do prefeito afastado de Viamão André Nunes Pacheco emitiu nota no começo da noite desta sexta-feira (28), na qual afirma que o político ainda não foi notificado sobre a decisão do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul que o tornou réu em ação sobre a fiscalização em abate de carne do Abatedouro JVR Eirele. Além de Pacheco, o então Secretário de Agricultura e Abastecimento, Carlos Remi Pacheco, também vai responder o processo por improbidade administrativa.

Veja o que diz o texto:

“Segundo a assessoria jurídica do prefeito André Pacheco, a ação movida pelo Ministério Público trata de suposta não aplicação de legislação que aborda o tema da fiscalização de abate de carnes, que gerou processo administrativo junto à secretaria de agricultura, tendo como objeto o conflito de competência entre fiscais e médicos veterinários para fiscalizar um abatedouro localizado no município. O abatedouro encontra-se fechado desde então. Tão logo seja notificado, o prefeito irá apresentar sua defesa.”

Foto: Prefeitura de Viamão

ffbernardes

ffbernardes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido