Empate no Gre-nal 432 dá ao Grêmio o tetracampeonato gaúcho

Empate no Gre-nal 432 dá ao Grêmio o tetracampeonato gaúcho

O Grêmio é campeão gaúcho pela quarta vez consecutiva. Em um jogo marcado por gols perdidos e algumas confusões, – uma delas, ainda no primeiro tempo, levou à expulsão de Rafinha e Yuri Alberto – o Tricolor teve o controle da bola e abriu o placar com Ferreira no finalzinho do primeiro tempo. Sofreu o empate com Rodrigo Dourado na bola parada, mas o resultado foi suficiente para garantir mais um título estadual.

PRIMEIRO TEMPO:
6’
Cruzamento de Rafinha é rebatido pela zaga colorada. No rebote, Maicon chuta forte e a bola explode na marcação. Jogadores do Grêmio pedem pênalti, mas Leandro Vuaden não marca nada.
11’ Yuri Alberto aciona Palacios, que invade a área. Brenno sai na bola e faz a defesa.
14’ Ferreira cobra o escanteio do lado esquerdo, Diego Souza desvia de cabeça e Geromel conclui para fora.
24’ Atingido por Ruan dentro da área, Geromel fica caído, sangrando. O capitão tricolor fica alguns minutos fora de campo para receber atendimento médico.
28’ Maicon sai errado e Thiago Galhardo recupera. Ele toca para Palacios, que chuta para fora.
31’ Boa jogada do time do Inter termina com o cruzamento rasteiro de Edenilson e Thiago Santos mandando pela linha de fundo.
38’ Discussão forte entre Rafinha e Yuri Alberto termina com os dois jogadores expulsos.
46’ Rodinei chuta forte, cruzado e Brenno faz boa defesa.
47’ Matheus Henrique avança pela esquerda e chuta cruzado; a bola desvia no travessão e sai.
52’ GOL DO GRÊMIO! Contra-ataque fulminante do Tricolor. Matheus Henrique passa por Nonato e faz o toque para Diego Souza, que abre para Ferreira no lado esquerdo. Ele corta para dentro e bate cruzado, no cantinho.
Em tempo: o primeiro tempo do Gre-nal 432 foi muito movimentado, marcado por várias chegadas ao ataque de ambas as equipes e muitos passes errados. Mas talvez o momento decisivo tenha sido a discussão quente entre Rafinha e Yuri Alberto, que culminou na expulsão dos dois jogadores. No final das contas, o jogo ficou mais disputado ainda e, no contra-ataque espetacular, Ferreira fez o gol que deu a vantagem ao Grêmio.

SEGUNDO TEMPO:
14’
Matheus Henrique entra como quer na área, dá uma meia-lua em Rodinei e, da linha de fundo, dá um toque para Lomba espalmar.
18’ Léo Pereira recebe o passe em profundidade nas costas do marcador e cruza rasteiro; Lomba chega antes de Ferreira e faz a defesa.
21’ GOL DO INTER! Moisés cobra falta do lado esquerdo e Rodrigo Dourado, na segunda trave, cabeceia cruzado e empata o jogo para o time do Internacional.
28’ Guerrero cobra falta na entrada da área explode na barreira; no rebote, o peruano chuta por cima do gol.
30’ Palacios recebe o passe de Nonato e chuta rasteiro para a defesa de Brenno.
36’ Vanderson recebe o passe açucarado de Ferreira e manda uma bomba no travessão.
39’ Ferreira recebe o lançamento longo e, com a opção de tocar para Pepê no meio, segue sozinho pela esquerda e chuta em cima de Lomba.
45’ Boa arrancada de Ferreira nas costas de Lucas Ribeiro, invadindo a área. O próprio Lucas Ribeiro chega para tirar a bola de jogo.
47’ INACREDITÁVEL! Jogada linda de Pepê, que dribla o marcador e passa para Ricardinho, sozinho, tocar pra fora.
48’ Provocação de Ferreira direcionada ao banco colorado leva à formação de uma confusão generalizada entre os jogadores das duas equipes.
Em tempo: o Inter voltou para o segundo tempo com mais ânimo, chegando à área tricolor com mais frequência. Empatou o jogo aos 21 com Rodrigo Dourado. A partir daí, apesar de uma certa pressão que sofria, foi o Grêmio quem teve maior controle do jogo, com Ferreira e Ricardinho perdendo gols que não se perderiam normalmente. No final, a glória e a celebração ficaram na metade azul do Rio Grande.

O empate em 1 a 1, somado à vitória por 2 a 1 no domingo passado, dá ao Grêmio seu quadragésimo título gaúcho, sendo o quarto consecutivo. O Tricolor é o segundo maior campeão estadual, atrás apenas do Inter.

O próximo compromisso do Grêmio está marcado para a próxima quinta-feira (27), quando vai à Colômbia enfrentar o La Equidad pela Copa Sul-Americana. O Inter volta a campo um dia antes, na quarta-feira (26), ao receber o Always Ready pela Libertadores.

 

FICHA TÉCNICA:

GRÊMIO: Brenno; Rafinha, Geromel, Ruan e Diogo Barbosa (Cortez); Thiago Santos, Maicon (Vanderson) e Matheus Henrique (Lucas Silva); Léo Pereira (Pepê), Diego Souza (Ricardinho) e Ferreira. Técnico: Tiago Nunes.

INTER: Marcelo Lomba; Rodinei (Caio Vidal), Lucas Ribeiro, Zé Gabriel e Moisés (Praxedes); Nonato (Léo Borges), Rodrigo Dourado e Edenilson (Guerrero); Palacios (Lucas Ramos), Thiago Galhardo e Yuri Alberto. Técnico: Miguel Ángel Ramírez.

GOLS: Ferreira (G); Rodrigo Dourado (I).

ARBITRAGEM: Leandro Vuaden, auxiliado por Rafael Alves e Mauricio Penna. Árbitro de vídeo: Rodrigo Nunes de Sá.

CARTÕES AMARELOS: Diogo Barbosa, Thiago Santos, Cortez (G); Rodinei, Lucas Ribeiro, Rodrigo Dourado, Edenilson (I).

CARTÕES VERMELHOS: Rafinha (G); Yuri Alberto (I).

ESTÁDIO: Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

 

Foto: Reprodução: SporTV.

jpbernardes

jpbernardes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido