Histórico! Lewis Hamilton vence o GP de Portugal e torna-se o maior vencedor da Fórmula 1

Histórico! Lewis Hamilton vence o GP de Portugal e torna-se o maior vencedor da Fórmula 1

Quem é o maior piloto de todos os tempos? Obviamente, esta é uma pergunta muito difícil de ser respondida. Se considerarmos o estilo de pilotagem, é impossível não pensar em nomes como Senna, Stewart e Lauda. Pelos números, os primeiros nomes são aqueles com mais títulos: Fangio, Schumacher e Lewis Hamilton. Hoje (25), o inglês da Mercedes teve mais um momento para consolidar-se entre os maiores da história.

No Grande Prêmio de Portugal, que voltou ao calendário pela primeira vez desde a vitória de Jacques Villeneuve em 1996, Hamilton venceu pela 92ª vez em sua carreira, quebrando definitivamente o recorde do heptacampeão Michael Schumacher. Valtteri Bottas (Mercedes) terminou em segundo e Max Verstappen (Red Bull), em terceiro.

VOLTA A VOLTA:

1/66: A largada não foi boa para Lewis Hamilton. O hexacampeão largou até bem, mas perdeu posições para Valtteri Bottas e Carlos Sainz (McLaren), caindo para terceiro.
1/66: Um pouco mais atrás, um toque entre Max Verstappen e Sergio Perez (Racing Point) tirou o mexicano da pista.
1/66: Destaque também para Kimi Raikkonen (Alfa Romeo), que largou em 16º e logo estava em 6º.
2/66: Sainz faz a ultrapassagem pra cima de Bottas e assume a liderança.
6/66: Bottas retoma a liderança ao passar por Sainz. Nas duas voltas seguintes, o espanhol foi ultrapassado por Hamilton e Verstappen, caindo para a quarta posição.
18/66: Lance Stroll (Racing Point) tenta ultrapassar Lando Norris (McLaren), mas o falta espaço para ambos e Stroll acaba rodando. O canadense levaria uma punição de 5 segundos pelo incidente.
20/66: Na reta dos boxes, Hamilton finalmente consegue a ultrapassagem pra cima de Bottas, tomando a 1ª posição.
31/66: Stroll leva outra punição de 5 segundos, desta vez por exceder os limites da pista.
33/66: Bela disputa pelo 10º lugar entre Raikkonen em Sainz. O campeão de 2007 chegou a tomar a posição, mas quem levou a melhor foi o espanhol.
42/66: Romain Grosjean (Haas) foi outro a levar punição de 5 segundos por exceder os limites da pista.
48/66: Alex Albon (Red Bull) faz uma excelente parada nos boxes, com um tempo de 1,8 segundo.
54/66: Lance Stroll abandona.
55/66: Daniil Kvyat (AlphaTauri) é o terceiro piloto a sofrer uma punição de 5 segundos por exceder os limites da pista.
63/66: Hamilton faz a volta mais rápida da corrida, em um tempo de 1:18.750.
66/66: Lewis Hamilton vence o GP de Portugal, chegando a 92 vitórias e quebrando o recorde de Michael Schumacher.
66/66: Valtteri Bottas termina em segundo. Pódio é completado por Max Verstappen.

 

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO FINAL DO GP DE PORTUGAL:

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO MUNDIAL:

A PRÓXIMA ETAPA:

No domingo que vem (1º), a Fórmula 1 volta à Itália para a terceira corrida do ano no país. Será o Grande Prêmio da Emilia-Romagna, que será disputado no Autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola. É a volta do circuito ao circo da F1 depois de 14 anos.

jpbernardes

jpbernardes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido