Inter aplica goleada histórica no Olimpia pela Libertadores

Inter aplica goleada histórica no Olimpia pela Libertadores

A noite desta quarta-feira (5) foi histórica para o Internacional. A equipe treinada por Miguel Ángel Ramírez recebeu o Olimpia no Beira-Rio pela terceira rodada da Libertadores. Depois de um primeiro tempo bem executado, o Colorado voltou para a segunda etapa com uma motivação ímpar, culminando na maior goleada já aplicada pelo time na história da Libertadores: 6 a 1. Os gols do Inter foram marcados por Cuesta, Edenilson (de pênalti), Thiago Galhardo (duas vezes, sendo a segunda um golaço encobrindo o goleiro), Yuri Alberto e Caio Vidal (de bicicleta).

PRIMEIRO TEMPO:
8’
Taison recebe na esquerda, recua e cruza, mas Edenilson pega mal na bola, que vai pela linha de fundo.
16’ INCRÍVEL! Marcos Guilherme aproveita o erro da zaga, tabela com Galhardo e acaba furando na hora da conclusão.
19’ Cobrança de falta de Moisés para nas mãos do goleiro Olveira.
28’ GOL DO INTER! Um gol muito semelhante ao primeiro contra o Táchira: Rodinei cobra escanteio do lado direito e Cuesta mergulha, de peixinho, para abrir o placar no Beira-Rio.
31’ Quase o segundo: jogada de Mauricio, que cruza para Thiago Galhardo cabecear por cima do gol.
37’ Galhardo recebe o passe em profundidade, mas demora demais e recua para Edenilson. Ele bate no meio do gol e Olveira defende.
42’ Na tentativa de desviar o cruzamento da equipe do Olimpia, Zé Gabriel desvia de cabeça, quase marcando contra. A bola sai pela linha de fundo.
44’ Silva sai do marcador e tenta o cruzamento rasteiro, mas Recalde chega atrasado.
Em tempo: o primeiro tempo foi todo do Inter. Teve o controle do jogo e, a não ser por dois momentos no finalzinho, pouco deixou o Olimpia tocar na bola. Destaque para um Taison inspirado, fazendo sua reestreia com a camisa colorada, e para o gol de Cuesta, similaríssimo ao que fez na semana passada contra o Táchira.

SEGUNDO TEMPO:
2’
Marcos Guilherme recebe dentro da área e chuta em cima do goleiro Olveira.
3’
NÃO VALE! Taison acha Galhardo livre, que toca para dentro. O gol é anulado por impedimento do último.
5’ PÊNALTI! Mauricio tenta o passe e Benítez abre o braço para impedir o prosseguimento do lance. Pênalti bem marcado.
6’ GOL DO INTER! Bola para um lado, goleiro para o outro na cobrança de Edenilson.
11’ Cruzamento longo de Cuesta acha Marcos Guilherme na segunda trave, que desvia para fora.
18’ GOL DO INTER! Taison toca para Thiago Galhardo, que deixa passar. A bola chega em Marcos Guilherme bater para boa defesa de Olveira. No rebote, Galhardo não desperdiça.
20’ Entrada criminosa de Derlis González no calcanhar de Rodinei. O árbitro aplica apenas o cartão amarelo.
22’ INCRÍVEL! Lomba erra na saída de bola e quem aproveita é Ojeda, que corta para o lado e, inexplicavelmente, chuta muito longe do gol.
25’ GOL DO INTER! Galhardo recebe de Praxedes na entrada da área e encobre o goleiro Olveira, que estava adiantado. Um golaço do artilheiro colorado.
31’ GOL DO INTER! Arrancada de Marcos Guilherme pelo lado direito, invadindo a área e tocando para Yuri Alberto concluir.
34’ GOL DO INTER! Cruzamento de Saravia pelo lado direito é afastado pela zaga. Quem aproveita é Caio Vidal, mandando uma linda bicicleta e sacramentando a goleada colorada.
40’ GOL DO OLIMPIA! González bate no meio do gol, deslocando Lomba.
Em tempo: se a primeira etapa colorada foi muito boa, a segunda foi avassaladora. O Internacional simplesmente não tomou conhecimento do time do Olimpia, marcando gol atrás de gol atrás de gol. Uma partida fenomenal do time de Miguel Ángel Ramírez.

A goleada por 6 a 1 entrou para a história como a maior aplicada pelo Inter na Libertadores. Com o placar, o Colorado assumiu a liderança do grupo B da Libertadores com 6 pontos. Os demais três clubes – Always Ready, Deportivo Táchira e Olimpia – completam a classificação, todos empatados com três pontos.

O próximo compromisso do Inter está marcado para o próximo sábado (8), quando recebe o Juventude pela segunda partida das semifinais do Gauchão, tendo que reverter a derrota por 1 a 0 sofrida no jogo de ida. Pela Libertadores, volta a campo na próxima terça (12), ao visitar o Deportivo Táchira.

 

FICHA TÉCNICA:

INTER: Marcelo Lomba; Rodinei (Saravia), Zé Gabriel, Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson (Nonato) e Mauricio (Praxedes); Marcos Guilherme, Thiago Galhardo (Yuri Alberto) e Taison (Caio Vidal). Técnico: Miguel Ángel Ramírez.

OLIMPIA: Olveira; Benítez (Otálvaro), Alcaraz, Polenta e Torres; Ojeda, Ortiz, Rojas (Santa Cruz), Sosa (González) e Silva (Camacho); Recalde. Técnico: Sergio Orteman.

GOLS: Cuesta, Edenilson, Thiago Galhardo (2x), Yuri Alberto, Caio Vidal (I). González (O).

ARBITRAGEM: Facundo Tello, auxiliado por Gabriel Chade e Ezequiel Brailovsky (trio argentino). Quarto árbitro: Néstor Pitana (Argentina).

CARTÕES AMARELOS: Edenilson (I); Polenta, Silva, González (O).

ESTÁDIO: Beira-Rio, em Porto Alegre.

jpbernardes

jpbernardes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido